quarta-feira, 13 de maio de 2015

Soul Songs - The Melody Within

An extract from my book "Soul Songs - The Melody Within": 

Part 3:


Reunite Thyself

Introduction

The following pages contain 31 Practical Experiences of Homecoming, one for each day of the month.
You do not need to practice them in sequence, and you may feel the need to stick to one “day” for several days, until you feel you have fully integrated the experience it suggests.
I invite you to go beyond the words that are written and to dive into the feeling of each experience, owning it yourself, making it a part of you, doing it your own way, finding your own tune and singing your own song and above all enjoy the experience breath by breath.

Come along...
***
 Day 3

“ Silence. Stay with me in this deep silence of us”.

Oh boy, oh boy, now that's an invitation to reckon with!

I said to Her “do you know how much work I have today, how many activities I have to get through today?”

Of course She knew, She is me and I am Her!

First and foremost, I had to find the silence right at the beginning of the day.

Then I had to keep on reminding myself to go back into the silence, irrespective of where I was or what I was doing.

The result: there was no rush, time expanded, all just seemed to fall into place by itself, effortlessly. There was no noise inside, just the calm space where all has permission to unfold at its own pace.

I achieved all of my tasks, all on time, all well done, and still had time to relax in this deep silence which felt so good, so right. It is even hard to put words to this silence, but I know the feeling is here and thus you will feel it.

Do you know where your silence is?

Breathe it deep deep inside, let it seep into your world and soak your reality and then experience, if you wish, what it's like to live from there – such a safe, ample space. 

 ***
Soul Song 3:
  
If you knew you are an Angel
Would you BE or would you worry?
Would you freeze, or would you flow?
Would you fight, or would you fly?




 

















Baladas da Alma - dia 3

Excerto do meu livro "Baladas da Alma - A Melodia de SER":

Parte 3:

Reúne-te 

Introdução

As próximas páginas contêm 31 Experiências Práticas de Retorno a Casa, uma para cada dia do mês.

Não é necessário praticá-las em sequência, e podes sentir necessidade de ficar com a prática de um mesmo “dia” ao longo de vários dias, até sentires que integraste completamente a experiência sugerida.

Convido-te a ir para além das palavras escritas e a mergulhar no sentir de cada experiência, fazendo com que te pertença, com que faça parte de ti, vivendo-a à tua maneira, encontrando a tua própria melodia e cantando a tua própria canção, e acima de tudo diverte-te com a experiência, a cada respiração.

Adiante...


***
 Dia 3

“Silêncio. Fica comigo neste profundo silêncio de nós.”

Ena, ena! Este é um convite a ter em conta!

Eu disse-lhe “sabes quanto trabalho tenho hoje, quantas actividades tenho para realizar hoje?”

Claro que Ela sabia, Ela sou eu e eu sou Ela!

Primeiro que tudo, tive que encontrar o silêncio no início do dia.

Depois tive que me recordar periodicamente para voltar ao silêncio, independentemente de onde estava e do que estava a fazer.

O resultado: não houve azáfama no meu dia, o tempo expandiu-se, tudo parecia encaixar-se por si mesmo, sem esforço. Não havia ruído interno, apenas um espaço calmo onde tudo tinha permissão para desenrolar-se no seu próprio ritmo.

Consegui realizar todas as minhas tarefas, todas a tempo, todas bem-feitas, e ainda tive tempo para relaxar neste silêncio profundo que sabia tão bem, tão certo. É até mesmo difícil atribuir palavras a este silêncio, mas sei que fica aqui a sensação, e por isso sentirás.

Sabes onde reside o teu silêncio?

Inspira-o profundamente em ti, deixa que impregne o teu mundo e abarque toda a tua realidade, e depois experiencia, se assim o desejares, como é viver a partir daí – um espaço tão seguro e amplo.

*** 
Balada da Alma 3:

Se soubesses que és um Anjo
SERIAS ou preocupar-te-ias?
Congelarias ou fluirias?
Lutarias ou voarias?



segunda-feira, 11 de maio de 2015

Ele /Him

Mais um poema do meu novo livro "SER!... Amor"... (reedição do "Livro Sobre o Amor" -disponível brevemente)
Yet another poem from my new book "BE!... Love"... (reedition of "The Book About Love" - available soon)

Ele 

Força serena de quem se sabe a si mesmo
Capaz e completo, és
Na determinada simplicidade confias
Matéria é a tua magia e mente o teu sopro
Aqui em Presença o Agora manifestas

E tudo te assume com a sábia paixão dela

***

Him

Serene strength, the one who knows himself
Capable, complete, you are
Determined simplicity, in this you trust
Matter is your magic and mind is your breath
Here, Present the Now you manifest
And reality assumes your wise passion for her


sexta-feira, 8 de maio de 2015

ELA / HER

Um dos poemas do meu novo livro SER!... Amor (reedição e ampliação do "Livro Sobre O AMOR")
One of the Poems of my new book: BE!... Love (reedition and completion of "The Book About LOVE)

Ela

Doce danças, suave como o vento
Tempestade de mudança crias, inspirando
O subtil é o teu reino e cristalina a terra és
Sentes, sabes e nos braços dele confias
O Nada em eterno Amor te eleva
E Aqui ficas, paciente, compassiva

Mimando.

***
Her

Sweet you dance, soft as the wind
The storms of change you create, inspiring
Subtle is your kingdom and crystalline the earth, you are
You feel, you know and in his arms you trust
Nothingness, in eternal Love you rise
And Here you stay, patient, compassionate
Caring tenderness.


terça-feira, 5 de maio de 2015

Abraço / Hug

Abraço / Hug


Não há nada como um doce carinho de quem amamos! E que tal abraçares-te agora mesmo? :) <3

***

There is nothing like the sweet tenderness of someone we love! Well what about hugging yourself right now? :) <3

T. C. Aeelah